ESG Summit

Meli ESG Summit reúne fornecedores de transportes

Em sua 1ª edição, o evento abordou os principais desafios, oportunidades e boas práticas de ESG no setor

Header.png

ESG Summit

Com a premissa de que é preciso agir agora para que o melhor chegue e acreditando que a sustentabilidade é uma jornada coletiva, o Mercado Livre, maior e-commerce da América Latina, promoveu a primeira edição do Meli ESG Summit. O evento reuniu mais de 80 fornecedores que prestam serviços de transporte para a empresa e destacou a importância e a urgência da adoção de melhores práticas socioambientais.

"Para criar valor no longo prazo e deixar um legado que vai além dos resultados financeiros, precisamos unir forças com nossos stakeholders", afirmou Breno Zurli, Diretor de Procurement & Real Estate do Mercado Livre Brasil. Para isso, o Meli ESG Summit reuniu diversos palestrantes, que abordaram informações e ferramentas para apoiar a adoção de práticas sustentáveis na cadeia de transportes.

original02.jpg

Na ocasião, Gabriela Almeida, gerente de direitos humanos e empresas do Pacto Global da ONU, apresentou os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU, uma agenda global pactuada entre as nações para acabar com a pobreza, proteger o meio ambiente e o clima e garantir que as pessoas, em todos os lugares, possam desfrutar de paz e prosperidade até 2030.

original03.jpg

Laura Motta, gerente sênior de sustentabilidade do Mercado Livre, compartilhou a estratégia ESG da companhia, destacando sua conexão com os negócios e com o DNA de inovação do Mercado Livre. "A mobilidade sustentável é parte fundamental da nossa estratégia de redução de emissões", explicou.

Trazendo um panorama sobre os desafios ambientais enfrentados hoje, Taís Salles, do Disclosure Insight Action (CDP) da América Latina, expôs o impacto financeiro das mudanças climáticas nos negócios e ressaltou a urgência da adoção de ações diante desse desafio. Segundo ela, o primeiro passo para isso é conhecer os impactos da própria organização, que devem ser medidos e reportados. Em complemento, Juan Domingues, gerente de relacionamento e causas do Sistema B Brasil, apresentou algumas tendências e boas práticas de sustentabilidade no setor logístico. Também foram apresentados dois cases de empresas parceiras do Mercado Livre: a Basepex, que adotou veículos elétricos para seus serviços de entrega, e a Maroni, que implementou o projeto Mulheres Motoristas, para acelerar a representação feminina no segmento de transporte rodoviário de cargas.

Na ocasião, o Mercado Livre disponibilizou, ainda, um Guia de Boas Práticas ESG para transportadoras, que reúne os primeiros passos para incorporar uma agenda sustentável em seu negócio. Você pode acessá-lo aqui.

Na Mão Certa

original04.jpg

Dando visibilidade à campanha Maio Laranja, que anualmente chama a atenção da sociedade civil e autoridades sobre a necessidade de combater o abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes, o Meli ESG Summit também recebeu Eva Dengler, Superintendente de Programas e Relações Empresariais da Childhood Brasil, que apresentou o programa Na Mão Certa. Criado em 2006, sua missão é promover e desenvolver ambientes de apoio e soluções para prevenir e enfrentar esse problema, que pode ter os caminhoneiros como grandes aliados, já que percorrem todos os cantos do país.

Aproveitando a ocasião, o Mercado Livre reforçou seu compromisso público com o programa e convidou todas as transportadoras presentes a também fazerem sua parte.

regenera-thumb-1116x870.png

Regenera América chega a US$ 23,7 milhões em 2023

29-09-2023

Atuamos hoje

Sabemos que o desafio é grande e requer que atuemos agora para mudar o presente e o futuro.

Baixar o Relatório 2023